Desvalorização do Real provoca corrida de agentes de viagem argentinos para a cidade de Bombinhas em Santa Catarina.

Desvalorização do Real provoca corrida de agentes de viagem argentinos para a cidade de Bombinhas em Santa Catarina.
Turistas Argentinos visitam Bombinhas

Agentes de Viagem visitam BombinhasEm apenas 05 dias 98 agentes de viagem do interior da Argentina visitaram a cidade de Bombinhas em Santa Catarina. Nos últimos 2 meses foram mais de 320. Conheceram hotéis, pousadas, passeios, praias e atrativos turísticos. Regressam a suas agências de turismo preparados para lucrar com a intensa procura na argentina por férias em Bombinhas. A desvalorização do Real tornou o belo e exclusivo balneário catarinense acessível a nossos  hermanos.

Nos últimos 60 dias mais de 320 representantes de agências de viagem da Argentina viajaram ao Brasil para conhecer a estrutura da cidade de Bombinhas no litoral de Santa Catarina. Estas não foram visitas de lazer, férias ou diversão. Os profissionais, divididos em grupos de 40 pessoas, visitaram hotéis, pousadas, praias, restaurantes, passeios e atrativos turísticos. Vieram conhecer a cidade e se capacitar ante a crescente procura, naquele mercado, por pacotes de viagem com destino a Bombinhas e ao Brasil. Reserve seu traslado agora.

Bombinhas é um pequeno município catarinense com 35,913 Km² de área e população de 16.311 habitantes (estimativa IBGE, 2013), situado 60 quilômetros ao norte de Florianópolis a capital do estado. A cidade fica na única península do sul do Brasil. Tem 63% de sua superfície em áreas de preservação permanentes (APP) com dois parques municipais, uma Reserva Biológica Marinha, uma Área de Relevante Interesse Ecológico e quatro ilhas. A cidade é conhecida como a capital do Mergulho Ecológico e possui a 3ª maior rede hoteleira do estado. Reserve seu traslado agora.

Apesar da beleza natural e da fama de suas praias, foram as mudanças cambiais no Brasil que trouxeram o ingrediente final para aumentar significativamente a demanda na argentina por férias em Bombinhas. No início de Novembro de 2014 a cotação do Real em relação ao Dolar rondava em torno de R$2,50. Hoje, a cotação beirando os R$4,00 aumentou o poder de compra de nossos hermanos e transformou o Brasil em um destino turístico acessível. Nas agências do país vizinho estes pacotes são vendidos por preços 25% inferiores aos praticados no verão passado. Enquanto isso os pacotes de viagem para destinos na própria Argentina estão 20 a 30% mais caros.

O secretario de turismo do estado de Santa Catarina, Felipe Melo, afirmou que: “Será o maior fluxo de turistas da Argentina em direção à Santa Catarina da historia.” A secretária de turismo de Bombinhas, Sabrina de Souza, também está otimista: “As ações da prefeitura como as participações em feiras de promoção turística na Argentina, Paraguaí, Peru e Chile fortaleceram a imagem do município e aproximaram as agências e operadoras destes países.”

A iniciativa privada também comemora o bom momento. O impacto econômico do turismo se distribui entre diveras empresas e setores: hospedagem, gastronomia, serviços, saúde…

Segundo Antônio Carlos Lopes, diretor da agência de turismo Casa do Turista, responsável pelo atendimento aos grupos, “Nossa estimativa é a de que as agências argentinas envolvidas nestas ações trarão um fluxo adicional de 10.000 turistas durante o verão 2015/2016. Que por sua vez usarão 36.000 diárias de hotéis e pousadas. Somando todos os gastos com hospedagem, passeios, serviços, alimentação, farmácias, etc deve haver uma injeção de R$12.000.000,00 na economia de Bombinhas. Estamos falando apenas da próxima temporada. O turista que vier e gostar pode virar um visitante “habitue” nas outras temporadas.”

Para Laura Galetto, da agência Setill Viagens e Turismo da cidade de San Francisco na província de Córdoba, “Bombinhas se destaca pelas belas praias, pela natureza e por que o turista argentino é tratado com muita cortesia. Este ano o cambio nos favorece, é mais barato viajar para o Brasil do que ficar veranear no litoral argentino”.

O número alto de visitantes não é uma novidade. No último verão a prefeitura instituiu uma Taxa de Preservação Ambiental, no valor de R$20,53, cobrada de cada veículo que ingressa no município entre 15 de Novembro e 15 de Abril. A arrecadação é revertida para mitigar os impactos que turismo provoca no meio ambiente. E assim garantir que os visitantes continuem se encantando com Bombinhas e aumentando a fama do balneário. Reserve seu traslado agora.

Sobre o Autor

client-photo-1
Casa do Turista
Nós somos verdadeiramente dedicados e apaixonados em fazer sua experiência de viagem tão simples e divertida quanto possível! Casa do Turista, a maior rede de agências de turismo receptivo em Santa Catarina. A empresa que mais levou turistas ao Parque Beto Carrero World nos entre 2012 e 2015. Atendemos a 90% das escalas de navios de cruzeiros nos diferentes portos do Sul do Brasil. Nós realmente apreciamos e damos as boas vindas sugestões e comentários sobre nossa empresa e nosso trabalho.

Comentários

Deixe uma resposta

1
Olá, seja bem-vindo, posso ajudar você?
Powered by